Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

jugular

Em defesa de Pacheco Pereira

Imagino que esteja a desnortear o leitor, mas a realidade é multifacetada. No útlimo texto de Pacheco Pereira, citado com acertada ironia pela Fernanda, "prato de Petri" é provavelmente o único sinal de mérito que lá se encontra, ao contrário do que a Palmira escreve.  É verdade que ninguém em Portugal que trabalhe em microbiologia diz "prato de Petri". Diz-se "caixa de petri" ou "placa de Petri". "Prato de Petri" será talvez uma criação brasileira a partir de "Petri dish". Pode ser que a minha simpatia para com Pacheco Pereira quanto a esta minudência resulte da memória ainda fresca de uma oral de química em que fui gozado pelas professoras por me referir ao azoto como "nitrogénio", que era como tinha aprendido no liceu. Mas pode ser também que o "prato de Petri" de Pacheco seja um sinal da sua cultura ecléctica e de autodidacta. Se uma pessoa não estuda Biologia, não saberá dizer "caixa de Petri". Por outro lado, só se esta pessoa nunca se interessou em algum momento por Biologia é que estará a salvo de dizer "prato de Petri". Havendo tanto por onde se pegar no pensamento de Pacheco Pereira sobre os media, é escusado criticá-lo por aquilo que ele tem de mais nobre e que é tão raro entre os doutores e engenheiros da política portuguesa.

23 comentários

Comentar post

Arquivo

Isabel Moreira

Ana Vidigal
Irene Pimentel
Miguel Vale de Almeida

Rogério da Costa Pereira

Rui Herbon


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Pode dar mais detalhes?

  • Paulo Pinto

    por acaso, a expressão do "saber só de experiência...

  • Luís Lavoura

    o melhor método que temos à nossa disposição para ...

  • Luís Lavoura

    É preciso um certo cuidado, pois o facto de algo n...

  • Filipe Gomes

    O problema das medicinas alternativas é o facto de...

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

blogs

media