Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

jugular

com certeza que alguns

chegada de férias longe, oiço as declarações de cavaco silva em querença pela primeira vez. a joão já as qualificou com justeza, mas há algo que me parece ainda de frisar. o presidente da república, instado a comentar uma história surgida no público há duas semanas, que cita como fonte um ou mais dos seus assessores e que acusava o governo de espiar a presidência, resolve, após longo silêncio, atribuir a história àqueles ('com certeza que alguns') que desejariam 'afastar as atenções, porque o desemprego é elevado, porque Portugal tem problemas de competitividade, porque existem problemas de insegurança'.

 

ou seja, das duas uma: ou o presidente da república acusa o jornal público de ter forjado a história para favorecer 'esses' que desejam afastar as atenções, ou acusa um ou mais dos seus assessores de estarem a fazer isso mesmo.

 

como não há notícia de qualquer mudança no pessoal da presidência, temos de concluir que cavaco está a acusar o público de favorecer quem gostaria de desviar as atenções desses problemas. como quem poderia desejar o desviar das atenções desses problemas só poderia, por exclusão de partes -- temos a oposição toda aos gritos a dizer que esses problemas são os maiores do mundo e arredores, portanto não poderá ser suspeita de não querer que se fale deles --, ser o governo, então cavaco está não só a acusar o governo de querer esconder esses problemas (o que é muito coerente com a sua afirmação de estar 'acima dos partidos políticos' e de superioridade em relação à luta partidária e sobretudo muito leal e límpido pela forma como é feito), como a dizer que o público está a ajudar o governo nesse desidério.

 

com certeza que alguns vão achar normal que o público e o seu director não reajam a estas declarações como um jornal que tem confiança nos seus jornalistas e nas suas fontes deveria reagir a uma acusação desta monta. com certeza que alguns acham que brincar aos watergates e às teorias da conspiração faz parte da dignidade constitucional do cargo de presidente. 

 

numa coisa podemos crer em cavaco, porém: quando diz, no fim destas declarações, falando de si na terceira pessoa, 'ele não vai desviar-se daí'.

 

adenda: depois de escrever isto, dei com este artigo do pedro marques lopes.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Arquivo

Isabel Moreira

Ana Vidigal
Irene Pimentel
Miguel Vale de Almeida

Rogério da Costa Pereira

Rui Herbon


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Fazem me rir

    So em Portugal para condenarem um artista por uma ...

  • Anónimo

    Gostava que parasses de ter opinião pública porque...

  • Anónimo

    Inadmissível a mensagem do vídeo. Retrocedeu na hi...

  • Anónimo

    "adolescentes e pré-adolescentes pouco dados à int...

  • Anónimo

    apos moderaçao do meu comentario reitero

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

Links

blogs

media