Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

jugular

Banhas da cobra New Age

As regiões não codificantes do ADN, muitas vezes designadas «junk DNA», são segmentos que não codificam proteínas mas que podem ser muito importantes, por exemplo na regulação de genes, nomeadamente em eucariotas ou eucariontes. Existem algumas zonas de ADN não codificante ultra-conservadas nos vertebrados (isto é, idênticas ou praticamente idênticas em muitas espécies), que parecem estar associadas à evolução e desenvolvimento dos vertebrados. Outras zonas podem ter tido um papel muito importante na evolução do Homem.

Assim, a designação «junk», que se pode traduzir como «lixo», é errónea. Como a maioria da população não segue a literatura científica, uma quantidade assustadora de charlatães dedica-se à tarefa de enriquecer à custa da ignorância alheia com dislates absolutamente arrepiantes que misturam patetadas New Age com uma linguagem pseudo-científica para enganar os mais incautos. Uma das banhas da cobra de eleição nos últimos tempos é uma suposta activação de ADN, normalmente envolvendo o dito "lixo", da qual existe uma enorme variedade de imbecilidades disponível, desde Theta healing (?) a Crystal Healing passando pelas inevitáveis curas psíquicas.

 

Uma pesquisa com «12 strand DNA» devolve mais de 16 milhões de entradas e outra com «dna activation» mais de 3 milhões de páginas, na sua maioria de charlatães que vendem sessões sortidas de «activação» de até 22 cadeias (!) de ADN, todas elas repletas de inanidades New Age. A maioria destas charlatanices tem o número 12 como sagrado, em particular o ano 12 do século XXI. Aproveitando aqueloutra histeria New Age acerca de 2012,  exponenciada pelo documentário imbecil do History Channel sobre uma suposta Profecia Maia, - à venda para o público assim como vários livros sobre o mesmo assunto -  os charlatães activadores urgem os incautos a desembolsarem quantias sortidas na activação do seu ADN antes do início da Nova Era.

Um destes charlatães em concreto vende sessões de «activação» do junk DNA pela quantia «simbólica» de 100 dólares a sessão - com o aviso de que são necessárias pelo menos 4 sessões para atingir a perfeição perdida com a «queda», isto é, a «Original Divine Blueprint, o que o Homem já foi». O vendedor de banha da cobra refere ainda que, supostamente, desde a expulsão do Paraíso as «10 cadeias etéreas acessíves a cada ser humano»  «estão no limbo»  e apenas Cristo teria uma dodeca hélice todinha activa.

 

Pela prosa, parece que são as 10 hélices extra as responsáveis pelos milagres cristianos, já que «Cada cadeia adicional permite ao indíviduo fazer maiores feitos humanos. Os cientistas reconhecem que actualmente apenas usamos 3% das nossas actuais duas cadeias de ADN. (...)  Imagine o que é activar 100% do seu ADN das duas cadeias, MAIS 10 cadeias adicionais. Passará de usar 10% do seu cérebro [na realidade, 100% da massa encefálica trabalha vigorosamente] a um ser multidimensional com capacidades psiquicas, telepáticas e de manifestação (?) para lá de tudo o que sonhou. Mais, parará o seu processo de envelhecimento e começará de facto a rejuvenescer e a parecer e sentir-se MAIS NOVO».

Embora no meio de tanto disparate seja apenas um detalhe, é completamente falso o que realçei com negrito, isto é, que os cientistas reconheçam que só «usamos» 3% do ADN; os cientistas apenas reconhecem que há uma parte do nosso ADN de que não sabemos ainda a função embora os últimos tempos tenham sido férteis em descobertas excitantes sobre o papel do ADN não codificante.

A quantidade de tolices que o senhor debita por parágrafo suplanta até a necedade (ignorância ou estupidez crassa) da homeopateta que dissertou sobre «vibrações» youeeisticas. E não me refiro apenas à banha da cobra propriamente dita, a tal «bioregenesis» que supostamente «ordena» o junk ADN no «Angelic Human DNA Template», o Diamond Sun DNA Template, com as tais dodeca hélices, «que permitem 12 níveis de consciência e são construídas para transmutação de carbono em silício e eventualmente em luz líquida (?) pré-matéria». Refiro-me em particular às efabulações sobre o tal dia maia, ou antes, «um ciclo de ascensão, que é literalmente um 'time continuum shift' »[que não traduzo porque nem sequer imagino o que seja um 'desvio do contínuo do tempo', será uma descontinuidade temporal?].

 

Na efabulação fantástica deste charlatão em concreto (mas os restantes não divergem da coisa) «Até 2012, o planeta vai atravessar este «time continuum shift», o que só acontece uma vez em cada 25 556 anos (o chamado ciclo Euiago)» [para saber o que é mais este dislate New Age, os leitores podem divertir-se nesta página, nestoutra absolutamente delirante que afirma ser o nosso ADN um womhole ou consultar a página de um alucinado que elabora sobre a imbecilidade em que assenta esta tal ascensão]. A página continua com idiotices sobre inexistentes campos áuricos, bloqueios energéticos, impressões kármicas,distorções de ADN ou selos energéticos não naturais e acelerações de partículas.

Mas as coisas absurdas que este senhor debita a uma velocidade alucinante são similares às encontradas em inúmeras outras páginas um pouco por todo o mundoO Brasil não escapa e exibe intrujões sortidos, por exemplo, Joysia, Engenheiro Chefe Geneticista a serviço do Conselho Nibiruano da Federação Galáctica, que afirmam serem capazes de Recodificar, Reconectar e Activar o ADN dos que estejam dispostos a contribuir para a manutenção da conta bancária dos charlatães.

Achei especialmente divertido o site da Fraternidade Virtual Eu Sou Luz que pretende que a «activação do DNA subtil (Espiritual, Verdadeiro)» é possível com uma água «energizada», agora não com luz mas num processo de rezas em tudo análogo às tretas Hado do senhor Masaru Emoto, o doutor em medicina alternativa por uma obscura pseudo-universidade de banha da cobra em Calcutá que inspirou recentemente em Coimbra sessões de aspersão com água mágica.

Para os que pensam que estas patetadas são idiossincrasias de outras paragens, informo que nos dias 17 e 18 de Maio de 2008 o Centro Terra Cristal Lisboa organizou um «workshop» para que convidou «seres da luz». Estes tais seres luminosos «proporcionam um trabalho profundo do coração actuando no DNA espiritual e efectuando a conexão e activação de várias fitas de DNA» aos incautos que desembolsaram a módica quantia de 170 euros (alojamento àparte) pela banha da cobra.

Ou seja, não se pense que estas coisas são "americanices" dos anos 80. Em relação à «activação» do ADN «etéreo» não houve a publicidade massiva que mereceu a água «mágica» ou a venda de outras banhas da cobra mas todas estas coisas aconteceram e acontecem aqui

O ressurgimento destes obscurantismos é uma manifestação de que algo está profundamente errado na nossa sociedade mas para além de sintoma é igualmente uma causa do que está errado. Vivemos tempos em que este tipo de patetices, aparentemente inócuas, na realidade são uma espiral descendente que se não for travada pode ter consequências desastrosas. O pior perigo destas charlatanices é o facto de que «envenenam» a mente, isto é, pretendem passar anti-ciência por ciência e apelam a que as pessoas deixem de pensar. São perigosas porque afirmam que o pensamento mágico é mais importante que o trabalho, a verdade, a razão e o respeito pelas evidências. E a razão e o respeito pelas evidências são a fonte do progresso da Humanidade - e a nossa salvaguarda contra todos os que lucram explorando a ignorância alheia.

9 comentários

Comentar post

Arquivo

Isabel Moreira

Ana Vidigal
Irene Pimentel
Miguel Vale de Almeida

Rogério da Costa Pereira

Rui Herbon


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Links

blogs

media