Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

jugular

10 comentários

  • Imagem de perfil

    Palmira F. Silva 21.11.2010

    Presumiu bem :)  afinal só passaram 3 décadas, e muitos milhões de mortes, desde o aparecimento da SIDA. Esta espantosa admissão, ao fim de apenas 30 anos, de que os seus ensinamentos estavam errados e de que, apenas em alguns casos é certo, o preservativo pode ser usado como medida profiláctica é tão assombrosa que merece o nosso aplauso.

    Esperemos que seja consequente e, por exemplo, a Igreja deixe de queimar preservativos em orgias de fé, os seus representantes deixem de dizer que são os preservativos que causam a SIDA e que permitam a sua distribuição aos infectados
  • Imagem de perfil

    Miguel Marujo 21.11.2010

    afinal só passaram três décadas e os missionários em África estiveram sempre na primeira linha na distribuição de preservativos, na luta contra a sida... mas pronto: deve ser cristianovitimização.
  • Imagem de perfil

    Palmira F. Silva 21.11.2010

    Por quem sois Miguel, iria lá negar algo tão imprescíndivel á vivência cristã como um bocadinho de vitimização :)

    Mas devo confessar que não esperava  que para esse momento de glória fosse necessário o recurso a uma mentira tão descarada como pretender que a Igreja  ou esteve na primeira linha da distribuição de preservativos em África. the mind reels com a enormidade. só consigo remeter para este comentário que por sua vez remete para um programa imprescíndivel, de que está disponível uma transcrição aqui,  nos tempos que correm em que, pela amostra, a beatada jura todos a pés juntos que sempre foi política da Igreja recomendar o uso do preservativo como profilaxia da SIDA* 

    *algo que nem sequer é o que B16 diz agora, aliás fez questão de exemplificar em que casos os preservativos embora não sendo uma solução moral, podem ser tolerados. por exemplo para os prostitutos do sexo masculino, "com o intuito de reduzir o risco de infecção." este pode ser "um primeiro passo num movimento para uma forma diferente, uma maneira mais humana de viver a sexualidade."

    E o exemplo dos prostitutos do sexo masculino, para quem a contracepção não é um problema, ao contrário dos casais em que um dos cônjuges está infectado, não é nem inocente nem casual.
  • Imagem de perfil

    Miguel Marujo 21.11.2010

    não, mentira descarada é negar o contrário, Palmira: conheço muitos missionários que o fazem, longe do conforto das salas vaticanas ou do sofá lisboeta...

    e daqui a minha fé - como a de milhões de cristãos - não se alimenta de vitimização alguma, mas cansa ler esse argumentário repetido ad nauseum, sobretudo por ateus, militantes ou não, para desviar os debates aos primeiros tropeções e coontradições. ou por acaso, detêm vocês a verdade?!

    e lamento o post que escreves da vitimização: há cristãos mortos no Iraque por serem cristãos - e xiitas e sunitas e não crentes e o diabo a quatro! achar que os cristãos "inventam perseguições" (os mortos por serem cristãos também o acham) é um tiro que não esperava. ou ficava mal estar ali um elogio ao Papa, durante tantas horas?
  • Imagem de perfil

    Palmira F. Silva 21.11.2010

    E acho de uma desonestidade inacreditáve, que sinceramente não esperava de ti, dizer que eu digo que os  cristãos "inventam perseguições"a propósito das barbáries, religiosamente inspiradas, no Iraque.

  • Imagem de perfil

    Miguel Marujo 21.11.2010

    eu conheço "alguns missionários" de grandes congregações... que trabalham no terreno com sem "violar as regras da ICAR". mas que regras, pergunto eu??? e não disse que "a ICAR está na primeira linha da distribuição de preservativos".

    a desonestidade está aqui: "
    necessário inventar perseguições e glorificar os «mártires» que se «sacrificam» em nome de uma qualquer «causa» cristã"...
  • Imagem de perfil

    Palmira F. Silva 21.11.2010

    Ah, e antes que te entusiasmes muito com este aparente aggiornamento da ICAR lê antes esta clarificação ou o originl em italiano que reforça que os preservativos não são opçao moral para combater a SIDA

    Father Lombardi’s statement clarifies Pope Benedict XVI has not reformed or changed the Church's teaching
  • Imagem de perfil

    Miguel Marujo 21.11.2010

    1) não me considero detentor da verdade, mas tenho-me como melhor conhecedor da vida interna da Igreja: falo de "alguns", sim, mas de grandes congregações, que têm milhares de missionários no terreno; esses alguns, são os que me contam da realidade de muitos outros;

    2) a doutrina da Igreja vaticana em matéria de moral sexual sempre esteve desacertada da doutrina dos seus fiéis; há um motivo forte que releva disto: não é esta doutrina que é essencial à fé de um cristão; mas: na eclesiologia do Vaticano II o Papa é tão pastor como o leigo, o padre é como o fiel não ordenado; cada um tem a sua função (carisma) para ser parte da comunidade; por isso, para mim, a doutrina não sai só de Roma: sai do bairro de Nairóbi, como da comunidade de base do Nordeste brasileiro; esta riqueza eclesial e cristã não é agrilhoada por quem, dentro e fora da Igreja, entende ou acha que "doutrina de Roma" é a única; não é; essa "única" é a palavra dos Evangelhos; e aqui não espero que me sigas - porque este é que é o meu entusiasmo.
  • Sem imagem de perfil

    Dmitry.G 21.11.2010

    Humm... nesse caso, portanto, não seria interessante se o papa fosse escolhido pelo voto dos católicos espalhados mundo afora, depois q alguns postulantes se apresentassem como candidatos a vaga de autoridade máxima da icar (calma, abaixo de deus, é claro)  debatendo entusiasticamente, uns com os outros e com seus prováveis eleitores, sobre a base de suas plataformas eclesiais?
    Evitaria o constrangimento de ler as suas conjecturas que visam somente livrar a cara do papa e, ao mesmo tempo, negar q esta seja a doutrina da igreja q o sr (per)segue e q tanto o entusiasma.
    A bem da verdade, acho q o problema maior reside exatamente na postura de algumas pessoas q poderiam dar um grande salto qualitativo adiante, negando-se a fazer as vezes de bastiões de uma verdade (in)questionável, mas q acabam por servir a interesses escusos de instituições q somente pontuam o atraso e a ignorância, com seus ditames absurdos e medievais.  Enquanto houver aqueles q sustentem o insustentável, q justifiquem o injustificável, q digam q é assim mas não é bem assim, e não estou me referindo apenas a moral sexual encontrada na doutrina do vaticano, um enorme número de pessoas continuará no limbo (ops, caiu em desuso, não?) do pensamento, refreadas por promessas de castigo em vida e à arder no fogo do inferno, após a falência da matéria carnal.  Ou, em contrapartida, como prêmio a obediência cega, aptas ao encontro na vida eterna com a virgem maria ou com as 70 virgens, o q, convenhamos, se alguma das opções fosse possível, não daria no mesmo...
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Arquivo

    Isabel Moreira

    Ana Vidigal
    Irene Pimentel
    Miguel Vale de Almeida

    Rogério da Costa Pereira

    Rui Herbon


    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Comentários recentes

    • Fazem me rir

      So em Portugal para condenarem um artista por uma ...

    • Anónimo

      Gostava que parasses de ter opinião pública porque...

    • Anónimo

      Inadmissível a mensagem do vídeo. Retrocedeu na hi...

    • Anónimo

      "adolescentes e pré-adolescentes pouco dados à int...

    • Anónimo

      apos moderaçao do meu comentario reitero

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D

    Links

    blogs

    media