Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

jugular

o bom jornalismo não engana

decerto por absoluta coincidência, no dia em que publico esta crónica no dn, a tvi lembrou-se de ir consultar a conta twitter de passos coelho e de reproduzir uma série de tuites nela constantes, também por absoluta coincidência todos constantes na minha coluna.

 

nada de novo: é isto que as tvs fazem todos os dias: usar o trabalho dos jornalistas da imprensa escrita como seu, sem um pingo de vergonha e sem que a comissão da carteira de jornalista ou o conselho deontológico do sindicato de jornalistas ergam sequer uma sobrancelha.

 

siga o esbulho, o roubo e o plágio.  

 

nota: a notícia da tvi foi entretanto rectificada (sem que, no entanto, se assinale esse facto). e eu faço também uma rectificação: há tuites na notícia que não estavam no meu texto. mais exactamente, sete em 18.

13 comentários

  • Imagem de perfil

    f. 02.09.2011

    ahahahahah, filipe. a lata tb é grátis. 'erro da jornalista'??? 'a tvi recolheu'? e tinha feito essa rectificação se este post ñ existisse? tem imensa piada q depois do q sucedeu ainda lh ocorra considerar a tvi 'insultada'. há mtos mtos anos q vejo peças minhas e de inúmeros outros jornalistas da imprensa lidas sem uma menção nos telejornais d todas as tvs. a tvi ñ é excepção, d facto. roubam todas. e isso, sim, é um insulto brutal ao trabalho e aos trabalhadores q são assim esbulhados.

    e sim, filipe, si perfeitamente q vários tuiteiros andaram a retuitar fraes d passos coelho. eu fui um desses tuiteiros. aliás todas as frases q estão na minha crónica foram retuitadas por mim há mais de duas semanas. foi pena os jornalistas da tvi ñ terem aproveitado na altura para fazer a 'recolha'.
  • Sem imagem de perfil

    Filipe Caetano 02.09.2011

    Cara Fernanda. São as últimas linhas que escrevo sobre isto, pois considero a situação esclarecida. 


    Eu respondo pelos meus erros, não pelos dos outros. O erro foi admitido e só posso lamentar o sucedido. Foi corrigido prontamente. 


    Lamento que a Fernanda, que tem razão no seu argumento inicial, se perca em acusações confusas, misturando ideias.


    Quanto ao resto, reservo a minha opinião, mas não a vou partilhar aqui.


    FC
  • Imagem de perfil

    f. 02.09.2011

    o q será o resto, filipe? o cumprir do código deontológico, do estatuto de jornalista e a honestidade pessoal e profissional pura e simples?
  • Sem imagem de perfil

    Filipe Caetano 02.09.2011

    Cara Fernanda, vejo que insiste na conversa, mas não conte comigo para processos de intenções. Esclareci consigo o que tinha de esclarecer e tornei pública a minha posição, não me escondendo atrás de anonimatos nem insultos.


    Continuação de bom trabalho
  • Sem imagem de perfil

    Filipe Caetano 02.09.2011

    (Não) me escondendo atrás de anonimatos.
  • Imagem de perfil

    f. 02.09.2011

    filipe, ñ faço ideia do q no seu léxico sejam 'processos d intenções'. mas quando repete coisas como 'não me escondendo atrás de anonimatos nem d insultos' numa conversa em está a falar comigo (que, aparentemente, lhe sou conhecida) e na qual explicitei claramente o que chamo roubo por parte das tv do trabalho dos jornais (explicitação q p si, aparentemente, será além d 'insulto', apesar de ser algo demonstrável todos os dias, 'processo de intenções'), tenho d concluir q ñ falamos mm a mm língua.

    se o q sucedeu com a minha crónica fosse um caso isolado no q respeita ao comportamento das tv, filipe, obviamente ter-me-ia limitado a assinalar o 'lapso'. sucede q é a regra. na sua tv como nas outras. s o filipe acha q isso ñ é verdade, diga-o, não se refugiando no silêncio ou numa alegada 'contenção' q no entanto não o impediu de fazer insinuações abstrusas como essa do anonimato ou de m acusar de uma série de malfeitorias, entre 'insultos' e 'processos d intenção'.

    era tão simples, filipe: era só chegar aqui e dizer q o erro foi sanado e q quem d direito (ou torto) pede desculpa. ficava-lh tão melhor. mas custa, ñ é?
  • Sem imagem de perfil

    Filipe Caetano 02.09.2011

    Cara Fernanda, não a conheço pessoalmente, apenas o que escreve no «Diário de Notícias» e no Jugular. Nunca consigo falei e não me parece que tenha passado essa ideia no que escrevi até agora.


    Quanto a essa repetição que aparece aqui não fui eu que a coloquei. Nem tinha qualquer necessidade de o fazer. É muito fácil qualquer pessoa vir aqui e colocar exactamente os meus dados, que eu sempre coloquei nos comentários. Como não sou gestor deste blog, não tenho qualquer função de edição, como compreende.


    Agradeço que valorize a nossa correcção pronta (sublinho, pronta).


    Quanto ao resto, não me compete responder pelos erros dos outros e só por isso disse que não ia comentar as outras questões levantadas por si. Se pretender promover uma discussão sobre as relações entre os jornais e as televisões terei todo o gosto em participar sem qualquer tabu. Já agora posso informá-la que já trabalhei em jornais e rádios antes da tv, por isso conheço bem a realidade dos vários meios.


    E não, não custa admitir o erro, como comprovo na minha resposta inicial. Diria mesmo que dificilmente terá uma resposta tão rápida como tivemos. Assumi o erro da minha equipa e se quisesse podia ter ignorado o seu post.
  • Imagem de perfil

    f. 02.09.2011

    filipe, ñ percebo em q é q conhecermo-nos pessoalmente possa ter alguma relevância p esta conversa. ou acha q eu 'ser-lhe conhecida' significa q nos conhecemos pessoalmente? que baralhada total.


    e a baralhada prossegue: falou ou não de insultos, processos de intenções e anonimato? ou foi um anónimo usando o seu nome? 
  • Sem imagem de perfil

    Filipe Caetano 02.09.2011


    Estamos a perder demasiado tempo com uma coisa que já está mais do que esclarecida.

    Bom fim-de-semana
  • Imagem de perfil

    f. 02.09.2011

    filipe, falou em anonimato e processos de intenções ou não? pelos vistos falou. acha q pode fazer isso e não esclarecer? ok: fico esclarecida.
  • Sem imagem de perfil

    Filipe Caetano 02.09.2011

    Falei em «dar o nome e não me esconder em anonimato» para frisar isso mesmo. Dei a cara mal me apercebi do erro cometido por alguém da minha equipa. Há várias formas de reagir e muitas vezes na blogosfera as pessoas insultam-se apenas, sob anonimato ou pseudónimo. Abomino esses comportamentos e não os pratico, por isso senti necessidade em frisar isso mesmo.

    Quanto aos «processos de intenções» que falo, isso surge na resposta à sua confusão na argumentação, misturando este caso com outros no passado que nada têm a ver comigo. Não embarco nessas querelas, a não ser que sejam devidamente enquadradas no tempo e olhando para todos os dados. Ou seja, estava apenas a dizer-lhe que não pretendia entrar nessa discussão particular, pelo menos não neste local, muito menos em comentário a este post.
  • Imagem de perfil

    f. 02.09.2011

    'Há várias formas de reagir e muitas vezes na blogosfera as pessoas insultam-se apenas, sob anonimato ou pseudónimo'. portanto está a frisar q decidiu ñ usar pseudónimo ou o anonimato p m vir aqui insultar? tá bem, anotei. a q propósito isso pode vir numa caixa de comentários de um post q denuncia uma falha deontológica de um artigo do site da tvi24, artigo esse, por sinal, ñ assinado, é q alguém q m há-de explicar, já q o filipe claramente ñ está d feição.

    'Quanto aos «processos de intenções» que falo, isso surge na resposta à sua confusão na argumentação, misturando este caso com outros no passado que nada têm a ver comigo'. ó filipe, mas este caso tem a ver consigo? é q eu quando escrevi o post ñ misturei nada consigo, falei da habitual prática das tv, de q este caso é apenas mais um episódio. s acha q o post era consigo, é lá consigo.

    por fim, filipe: releia o seu primeiro comentário. chegar aqui admitindo um erro e ao mesmo tempo afirmando q '
    Acho abusivo que diga que foi usado «o trabalho de outros jornalistas». Para este caso não é válido, porque a Fernanda transcreveu frases de outrém (o que foi muito perspicaz)' é q é um bocadinho para o processo de intenção, não? é q o filipe está a dizer q o trabalho q eu fiz ñ é de jornalista, ou q ñ é trabalho, mas q o trabalho da tvi ao retirar em 18 citações 11 do meu texto e juntando-lhe 7 para não ser tão escandaloso é q é trabalho, é isso? e q usar o trabalho d outrem ñ é plágio desde q o q s copia sejam frases de outras pessoas escolhidas por outrem? cuidado com o q diz, filipe. amanhã, uma entrevista feita e editada por si, ou uma peça em q coloca uma série de declarações pode ser apropriada por outro meio ou jornalista e transformada no trabalho dele e ñ é plágio, nem roubo, nem esbulho, ñ é?

    enfim. bom fim de semana p si também. apanhe ar.
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Arquivo

    Isabel Moreira

    Ana Vidigal
    Irene Pimentel
    Miguel Vale de Almeida

    Rogério da Costa Pereira

    Rui Herbon


    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Comentários recentes

    • Fazem me rir

      So em Portugal para condenarem um artista por uma ...

    • Anónimo

      Gostava que parasses de ter opinião pública porque...

    • Anónimo

      Inadmissível a mensagem do vídeo. Retrocedeu na hi...

    • Anónimo

      "adolescentes e pré-adolescentes pouco dados à int...

    • Anónimo

      apos moderaçao do meu comentario reitero

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D

    Links

    blogs

    media