Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

jugular

Sim, sem cabeça...

É uma galinha, ok?... mas é uma galinha, ok?

 

Bem me dizia uma amiga aqui há uns anos a propósito de algumas coisas que ainda lhe causavam espanto e em relação às quais jurava a si própria não mais ficar perplexa: "a partir de agora o meu queixo nunca mais se 'a'baixa de pasmo, só se 'a'levanta". Que estúpida sou por não ter aprendido, talvez não tivesse tido uma abrupta subida dos níveis noradrenérgicos ao ler isto.

 

Desde logo adjectivar de "extemporânea" a saída de quem quer que seja de onde quer que seja exige, de acordo com os meus princípios, conhecimento do sujeito em causa e dos factos, coisa que, arrisco a afirmar, não me parece ser o caso.  Por outro lado, corrijam-me se estiver enganada - não vi (ainda) o último "A Torto e a Direito" porque no horário em que foi apresentado estava em fantástica companhia a papar um manjar divinal preparado por uma grande amiga, chilép, chilép, chilép -, mas que tenha dado por isso, o Freeport foi discutido apenas num dos programas até agora emitidos pelo que me parece pouco correcta e abusiva a opção de escrita usada.

 

Em todo o caso a verdade, verdadinha, é que tudo isto são amendoins comparado com o primarismo machista medíocre da portentosa frase "Há um elemento que equivale a uma admissão de culpa do Primeiro Ministro nas tentativas manipulatórias e de condicionamento brutal da opinião pública: a saída (...) de Fernanda Câncio..."

 

Não me venham relembrar a minha relação de amizade com a Fernanda porque das duas uma, ou vão corridos a asneira que ferve ou a um desprezível silêncio, logo decido o que me apetece. E pensar que já passaram 35 anos sobre aquele longínquo ano de 1974. Puta que pariu estas cabeças piquirritxas.

 

PS: Tenho uma dúvida, a palavra "manipulatórias" existe? Antecipadamente grata pelo esclarecimento.

 

Adenda: Tenho outra dúvida. No mesmo texto que a f. lincou Mário Crespo escreve "Já há mais jornalistas a contas com a justiça por causa do Freeport do que houve acusados por causa da queda da ponte de Entre-os-Rios.". Houve jornalistas acusados da queda da ponte de "Entre-os-Rios"? Quantos? Quais? Obrigada, outra vez, pela disponibilidade de todos os que me puderem elucidar, gosto de andar bem informada.

60 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Arquivo

Isabel Moreira

Ana Vidigal
Irene Pimentel
Miguel Vale de Almeida

Rogério da Costa Pereira

Rui Herbon


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Links

blogs

media