Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

jugular

Mário Bettencourt Resendes (1952-2010)

No último programa do maior português de sempre, naquele em que ganhou o Salazar, estava sentada ao lado deste homem, assim meio escondidinha. Tínhamos participado em debates que decorreram ao longo do concurso em questão e ali nos tinham sentado, no último dia, no lugar da "claque" de um dos nossos nomes dos descobrimentos, apoiado pelo meu "colega de cadeira".

Eu estava ali por falta de espaço, porque tinha ido a um debate apenas para falar sobre a bipolarização Cunhal/Salazar, tentar perceber a lógica daquele concurso, que fez correr tanta tinta. Declarei que não votaria em nenhum candidato, porque não era o tipo de coisa que me animasse, dizendo, de caminho, e em todo o caso, que, pela amostra, simpatizava mais com os poetas, que sempre nos ensinam que por dentro das coisas é que as coisas são.

Naquela final, sentada ao lado do Mário Bettencourt Resendes, estava preparada para uma noite muito aborrecida.

Uma das coisas que a fez animada foi a nossa conversa sobre o perfil sociológico das claques do Cunhal e do Salazar, ambas muito aguerridas e, para ajudar à festa, sentadinhas lado a lado. Nem precisavam de identificação. Foi uma noite tão divertida. 

Arquivo

Isabel Moreira

Ana Vidigal
Irene Pimentel
Miguel Vale de Almeida

Rogério da Costa Pereira

Rui Herbon


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Fazem me rir

    So em Portugal para condenarem um artista por uma ...

  • Anónimo

    Gostava que parasses de ter opinião pública porque...

  • Anónimo

    Inadmissível a mensagem do vídeo. Retrocedeu na hi...

  • Anónimo

    "adolescentes e pré-adolescentes pouco dados à int...

  • Anónimo

    apos moderaçao do meu comentario reitero

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

Links

blogs

media